8 de outubro de 2009

O compromisso com o compromisso

Como assim não sabe? É revoltante a permissividade das pessoas em serem indecisas, débeis, confusas. Areia! Nada a ver! De fato sou forçada a enxergar a minha própria rigidez; meu irrepreensível "compromisso com o compromisso". E isso é apenas um pequeno detalhe no quadro... Então, ao invés do costumeiro massacre com datas e considerações e aquilo que foi combinado (agendado) anteriormente, faço um novo compromisso - e esse preciso mesmo cumprir: Comprometo-me com a realidade objetiva do momento e seus sentimentos e implicações relacionadas. sem mais, abandono o texto na intenção de cumprir com o meu novo compromisso!

Um comentário:

Patricia disse...

Compromisso, adoro essa palavra.